sábado, 31 de março de 2012

Dicas para montar sua área externa.



Olá, como vão vocês?
Gostaria de passar algumas informações úteis para quem pensa em transformar sua área externa em uma área de lazer agradável e confortável.
Precisamos, antes de qualquer coisa, definir o que vem a ser esse espaço, sua metragem e qual a situação ou a atmosfera que queremos criar no ambiente em questão.
Como essa questão é muito abrangente e extensa, podemos separar a área externa em dois temas:

Varanda


Pode ser de um apartamento ou da sua casa de praia, por exemplo.

A varanda e o terraço fazem parte da casa e são extensão do "living" ou da área social interna. 

No caso de apartamento é comum integrar o layout com o "living", ou seja, esse ambiente “conversa” com a área interna. É normalmente usado também em apartamentos o fechamento da varanda com vidros que, esporadicamente, podem ser abertos totalmente para deixar vão livre para circulação de ar, se necessário.


Conjunto Flox, fica muito bem em espaços menores.
Conjunto Violeta ótima opção
  

Área externa


Pode ser piscina, jardim, convívio, praças. Estas áreas ficam  quase sempre abertas e descobertas, indicamos que sejam utilizados móveis mais resistentes, como por exemplo, móveis de fibra sintética e de alumínio fundido. 

Conjunto Acácia, uma boa opção
Outra opção em alumínio fundido é o Conjunto Bambu com mesa giratória e ombrelone

O layout é criado de acordo com a função da varanda

Dentro dessa divisão podemos criar diferentes tipos de layout dependendo da função que se queira ter. 
Por exemplo, um estar, um local para refeição com churrasqueira ou um lounge, entre tantas outras formas que podemos montar na sua área externa.

Uma ótima opção é o Conjunto Hortência


Escolha do mobiliário para varanda

 

Na escolha do mobiliário, deve-se levar em conta o estilo da decoração que você quer para seu espaço. Além disso, você deve estudar qual acabamento é o mais indicado para seus móveis, as cores a serem usadas e como elas irão compor entre si, além dos estofados a serem escolhidos. 

Cabe-se atentar às medidas dos móveis para locá-los na planta, evitando assim, futuras surpresas na hora da montagem do mobiliário. Dessa forma, evita-se o comprometimento do espaço com excesso de móveis. 

Mesmo nesses ambientes você deve se preocupar com a qualidade do material a ser escolhido. 


Gostou deste post? 


Comente! Visite também nossa fan page no facebook Encantar.